American Crime 1×03 – Episode Three

American-Crime-1x03A tal época das vacas magras, se bem que não é bem assim né?

As queridinhas encerraram suas temporadas, mas esse fulano aqui tem uma tonelada de séries atrasadas e séries que ainda nem comecei a ver para colocar em dia. Resolvi começar com American Crime, que tinha visto apenas os dois primeiros episódios e acabei deixando de lado. Não vai ser uma tarefa fácil, porque a lentidão da série da aquela cansada, mas vou insistir um pouco mais por motivos de Felicity Huffman.

Já tinha comentado o quanto a trama da série é interessante, isso devido ao fato de ter toda uma polêmica envolvida, tratando de assuntos como racismo, desigualdade social e tudo mais. Esse terceiro episódio não foi nada diferente e novamente trouxe cenas que com toda certeza causaram algum barulho quando foram vistas pelo público.

O assassinato do filho de Barb e tudo que aconteceu com a esposa dele, resultando num coma continua causando tumulto. Os três suspeitos ainda estão presos, mas não se sabe ao certo o que realmente aconteceu, sem contar as suspeitas sobre o casal estar envolvido com droga que se intensificam cada vez mais.

American-Crime-1x03-aDurante o episódio vimos Barb tentando provar a boa imagem do filho, enquanto os próprios pais da outra jovem de certa forma estão conscientes de que algo a mais estava acontecendo com ela. Russ continua me irritando por ser tão bobão, mas toda aquela procura por emprego e o fato de ter enfrentado Barb naquela cena em que discutiam o destino do corpo do filho deles fez com que o cara se destacasse um pouco mais.

Tem também Carter que continua preso e sua namorada drogada que agora resolveu pedir ajuda para sua família. Gostei bastante da cena em que a irmã do cara foi visitá-lo na prisão, foi um tanto quanto impactante, principalmente depois daquela revista toda que ele teve que passar. Imagina o quanto vergonhoso deve ser tudo aquilo e a conversa dos dois também não passou longe, foram muitas trocas de elogio.

Agora o plot da família do Tony foi um dos mais explorados no episódio e continua sendo um dos meus favoritos da série. O garoto continua preso e passando por mal bocados dentro da prisão, por outro lado vimos seu pai tentando ao máximo encontrar uma forma de tirar ele de lá, porém sem muito sucesso como vimos no final do episódio. Deu pra ficar com pena da irmã dele que é uma das que mais está sofrendo com a situação toda, a cena dela desabando e pulando nos braços do pai foi um tanto quanto triste.

O episódio foi muito bom, mas como disse, meu único problema com a série é em relação a lentidão dos episódios, mas vou continuar torcendo para que as coisas fiquem cada vez melhores mais a frente.

Anúncios