The X Factor UK – 13×13/14 – Top 12

xfactor-ukPrimeiro live show que na verdade foi é bem meia boca.

Vamos combinar que até agora a temporada não conseguiu surpreender, aliás, as duas últimas fases foram recheadas de decepções e injustiças, então estava naquela expectativa de que nesse primeiro live fosse surpreendido, o que acabou não acontecendo.

PERFORMANCES

5 After Midnight – “Can’t Stop Feeling”

Gostei da performance, rolaram umas bagunças ali com os vocais, mas os garotos abriram a noite muito bem. No quesito coreografia eles tombaram bonito!

Sam Lavery – “Impossible”

Sou apaixonado por essa música e pra ser bem sincero, achei que Sam foi apenas ‘ok’. Particularmente acho que ela tem potencial pra fazer melhor que isso, mas a performance também não foi ruim, só que poderia ter sido melhor.

Saara Aalto – “Let It Go”

Odeio essa música com todas as minhas forças e por isso detestei a performance. Sim, a voz da Saara deu uma baita surpreendida, mas com uma song choice dessa fica difícil defender.

Ryan Lawrie – “Perfect”

Também não consegui gostar muito. Tentou literalmente fazer uma vibe 1D e pra mim ficou mais parecendo uma cópia barata. Nada contra o Ryan, mas acho que ele vai precisar de esforçar um pouco mais.

Gifty Louise – “That’s My Girl”

Temos aqui aquela que tem tudo pra se tornar a dona da temporada. Gifty é uma das melhores coisas do top 12 e como era de se esperar entregou uma performance maravilhosa! A guria tem estilo, voz, carisma e tudo mais que tem direito. Que continue mandando bem desse jeito!

Relley C – “Shackles”

Relley, a única coisa que presta na categoria dos overs graças a bela estragada que Sharon deu na Judges House. Para minha felicidade ela também entregou uma baita apresentação. Tem um vozeirão maravilhoso e com essa música poderosa surpreendeu demais!

Matt Terry – “You Don’t Own Me”

Adoro o Matt e pra mim ele fez bonito mais uma vez. Não foi minha performance preferida, mas a voz do cara é excelente e ele traz aquele tom único que fica impossível não curtir e torcer pra se dar bem. Quero ele fazendo uma vibe Olly Murs nas próximas performances, então sigo na torcida.

Freddy Parker – “Killing Me Softly”

Concordei absurdamente com o Simon. Gosto do Freddy e acho que ele tem potencial, mas enquanto cantava atrás do piano estava até legal, porém o negócio ficou difícil quando ele resolveu levantar e em alguns momentos parecia até que ele tinha esquecido a letra da música.

Bratavio – “Boom Boom Boom / Barbie Girl”

Não né gente, não sou nenhum pouco obrigado.

Emily Middlemas – “Closer”

Outra música chiclete que foi muito bem utilizada no programa. Curti ela na voz da Emily, combinou bastante com o estilo da jovem e no final das contas a performance foi bem gostosa de assistir.

Honey G – “California Love”

Leia-se o comentário que fiz para Bratavio.

BOTTOM

Saara Aalto – “Alive”

Essa música pra mim é uma das melhores coisas que a rainha Sai já lançou e olha, vale elogiar um pouco Saara porque não é fácil cantar esse monstro e pode-se dizer que a guria conseguiu entregar uma boa performance.

Bratavio – “The Only Way Is Up”

Coloquei no mute aqui.

ELIMINAÇÃO: Bratavio

Nem tinha como ser diferente né gente! Honey G a próxima da lista, por favor.

Anúncios