Chicago PD 4×15 – Favor, Affection, Malice or Ill-Will

chicago-pd-4x15Até onde você está disposto a chegar para honrar seus filhos?

Outro ótimo episódio de Chicago PD, com a série novamente trazendo aquele caso semanal que te faz parar para pensar e questionar sobre o real significado de justiça e perdão. Dessa vez Al foi um dos grandes destaques, tendo em suas costas um caso complicado que lhe fez pensar e se colocar no lugar por se tratar de um assunto familiar difícil.

Erin recebeu de um informante a dica de que outro homem estava querendo contratar um assassino pela cidade. Foi nesse momento que Al entrou em cena, passando a trabalhar disfarçado para conseguir pegar o cara, mas o que ele não imaginava era o real motivo que tinha levado o homem a querer realizar tal ato.

Se tratava de um pai que até hoje não tinha superado o luto de perder sua filha. O suposto assassino tinha sido solto pela polícia e isso foi motivo suficiente para ele querer que alguém lhe matasse para assim conseguir justiça para sua filha. Já no primeiro instante deu pra perceber o quanto Al ficou balançado com toda a situação, até porque ele tem duas filhas e como já vimos ao longo da série, esse é o tipo de assunto que mexe muito com ele.

chicago-pd-4x15aToda a Inteligência passou a focar em tentar descobrir quem realmente havia assassinado aquela moça, onde o tal suspeito solto realmente acabou se provando inocente e muitos outros nomes acabaram surgindo. No final das contas eles conseguiram derrubar vários outros bandidos, inclusive o assassino da jovem, mas nem por isso a história tinha terminado ali.

O problema era que aquele pai, por mais que estivesse sofrendo pela perda da filha, havia cometido um crime grave ao encomendar um assassinato e isso era o suficiente para lhe mandar pra prisão. Al ficou bastante pra baixo com toda a situação, onde tentou ajudar o pobre homem, mas não teve sucesso algum. É bastante difícil uma situação dessas, pois você tenta se colocar em ambos os lados e sinceramente não consegue decidir qual realmente é o certo.

Sobre a volta de Ruzek eu achei um tanto quanto desnecessário tudo aquilo. Não discordo do Voight em não querer devolver o lugar dele na Inteligência, até porque ele de uma pisada na bola ao sair daquela forma. Agora pra ser bem sincero, acho que preferia o Rixton continuando ali ao invés de Ruzek voltar, mas pelo jeito o cara vai acabar indo embora pra que isso possa acontecer.

Anúncios