This Is Us 2×02 – A Manny-Splendored Thing

This-is-uS-2x02-aEssa série! Segundo episódio e segunda cacetada no meu emocional.

Não teve nenhum grande acontecido, nenhuma morte e nem mesmo um apagão pra agitar as coisas. Isso porque This Is Us já deixou mais do que claro que é uma série perfeita justamente por focar na simplicidade dos seus acontecimentos. Sério, a premiere já tinha me destruído aqui, principalmente com a cena final, mas “A Manny-Splendored Thing” voltou a mexer bonito no meu psicológico e isso graças aos diálogos maravilhosos que o episódio trouxe.

Essa família toda é linda! Perfeita? Longe disso, até porque já vimos e continuamos vendo os tantos problemas que enfrentaram no passado e continuam enfrentando até hoje, mas o mais importante é a maneira que seguem lidando com essas situações, um ao lado do outro, como uma verdadeira família tem que ser. Foram diálogos pequenos, mas de uma força absurda.

Toda a família viajando até Los Angeles para assistir a filmagem de um episódio especial do “Manny”, programa de TV que o Kevin participava anteriormente, mas saiu graças ao seu surto emocional. Ali foi apenas a porta de entrada pra tantos outros acontecidos, com cada um enfrentando seu próprio drama, mas no final das contas todos estando completamente ligados.

Preciso dizer que Beth e Randall são maravilhosos? Fico cada vez mais admirado com a força desse casal e esse episódio novamente explorou muito isso. No episódio anterior vimos Beth surtando com a história da adoção e dessa vez a coisa se inverteu e foi justamente o Randall quem estava tendo problemas com a ideia de trazer uma pessoa diferente para dentro da casa deles. O melhor é que mesmo discutindo os dois conseguem ser lindos e no final das contas sempre se acertam. Eu torço muito pra que essa história continue sendo bem explorada, porque está trazendo o melhor do casal e com certeza tem potencial para nos fazer apaixonar ainda por mais eles.

This-is-uS-2x02Kate enfrentando seus demônios em relação a sua vontade de seguir a carreira de cantora. Bem bacana a maneira que exploraram o medo dela, e principalmente o medo e a falta de confiança quando tem a presença de sua mãe. As duas realmente nunca tiveram um relacionamento muito fácil e quase quarenta anos depois as coisas não mudaram muito. Gostei muito do diálogo que rolou entre elas no final do episódio, quem sabe tenha sido o pontapé para que as coisas comecem a ficar melhores.

Agora gente, e esses flashbacks? Poxa vida, é um tiro atrás do outro. Meu emocional não aguenta essas cenas entre Jack e Rebecca que eles continuam mostrando. Agora parece que vão dar bastante atenção ao problema com a bebida que Jack enfrentou no passado e esse episódio trouxe vários momentos maravilhosos e fortes que a família enfrentou sobre o assunto.

Bacana a maneira que Rebecca ficou do lado do marido quando descobriu sobre o problema, tentando estar presente pra ajudar ele a se recuperar. Melhor ainda o diálogo final dele com Kate. Sério, aquele momento dela colocando as mãos no rosto do pai, pronto, foi suficiente pra desabar junto aqui. É disso que eu escrevi no começo do texto, momentos simples, mas ao mesmo tempo tão grandiosos que fazem de This is Us uma série diferente.

Anúncios