Grey’s Anatomy 15×24 – Drawn to the Blood

Greys-15x24Sobre preparar perfeitamente o terreno para o final da temporada.

Meus amigos, novamente Grey’s Anatomy mostrou que tem fôlego suficiente pra continuar no ar por muito tempo. Junto disso vale usar a resenha pra comentar a notícia de que a ABC renovou a série para não apenas uma, mas duas temporadas, ou seja, teremos Meredith Grey e Cia pelo menos até 2020. Ótima notícia, pois a série realmente tem surpreendido muito com essa temporada atual e se eu já comentei a um tempo atrás que era o momento de encerrar o negócio, hoje definitivamente acho o contrário.

Agora voltando para o episódio em si, vale dizer que conseguiram muito bem preparar o terreno para o próximo e último episódio da temporada que vai pro ar na quinta-feira. Foi muita coisa acontecendo ao mesmo tempo, mas vale começar comentando sobre a Meredith ajudar Jo daquela forma.

Eu realmente estava achando que todo o drama da Jo tinha cansado, mas ver Mer decidindo ajudar foi muito bacana e ela foi a única que finalmente conseguiu fazer com que Jo falasse o que aconteceu durante sua visita a mãe biológica. Melhor ainda foi ver Meredith conseguindo enfiar na cabeça da médica que ela precisa superar, que precisa levantar a cabeça e seguir com sua vida, deixando de uma vez por todas essas descobertas de lado. Só sei que mais uma vez Meredith salvou o dia.

O caso médico do menino Gus continua me deixando muito nervoso aqui. Realmente torço pra que o garotinho fique bem, mas as probabilidades disso acontecer diminuem cada vez mais. Mesmo assim vale dizer que também não aguentei e morri de rir com o pai dele quebrando a bunda após escorregar nos brinquedos. Fico com pena daquela mãe que está literalmente em seu limite e olha, estão fazendo questão de dificultar cada vez mais o negócio.

Greys-15x24-aNem deu tempo de comemorar o fato do Alex ter encontrado aquela mulher com o sangue compatível, já que toda aquele problema que ela tem complicou mil vezes o negócio. Bacana ver Owen se mostrando outra pessoa ali, conseguindo ajudar a mulher a criar coragem de sair do avião e tudo mais. Mesmo assim, eles tinham que enfiar aquela cena final, com uma espécie de acidente de trânsito acontecendo e os três presos dentro do carro. Nem precisa dizer que eu surtei junto aqui né?

Mas o que mexeu demais comigo aqui foi mesmo aquela história envolvendo Meredith e DeLuca. Não sei porque, mas desde o momento em que Catherine chegou no hospital eu fiquei imaginando que estava relacionado com o caso da garotinha que Meredith ajudou no episódio anterior. Dito e feito, lá no final Bailey arrastou DeLuca para a tal reunião misteriosa e colocou ele na parede sobre o nome da filha da Meredith ter sido usado no seguro.

Eu fiquei foi bem pasmo com toda a situação e quando DeLuca e Catherine aparecem naquela câmara e ele começa conversar com Meredith, assumindo toda a culpa, preciso dizer que dei um pulo aqui. O médico realmente pode acabar preso por fraude e outros crimes, mas eu aposto que Meredith não vai simplesmente deixar ele assumir a culpa por algo que ela fez, mas naquele momento ela não conseguiu fazer nada e pra ajudar só vamos descobrir o que vai acontecer no próximo episódio, então vale seguir surtado até a próxima quinta.

Anúncios