Code Black 2×12 – Unfinished Business

code-black-2x12-ajpgPor aqui não tá nada bem depois desse episódio.

Que derrubeira mais tensa foi essa gente? E digo derrubeira porque esse episódio realmente me deixou no chão e desidratado aqui. Essa série não cansa mesmo de trazer episódios como esse, que literalmente acabou comigo.

Eu imaginei que toda a história da doença do Guthrie não iria simplesmente ficar do lado, mas também não estava esperando que fossem reservar um episódio inteirinho pra tratar disso e muito menos que seria numa sequência de tirar o fôlego.

Primeiro veio toda aquela ideia de um prédio incendiado, com inúmeras vítimas chegando na emergência apresentando estados bastante complicados. Até aí Guthrie tinha se tornado o capelão do hospital e sem poder tratar pacientes, estava ali para tentar ajudar de outra maneira, aconselhando. Foi uma sequência de acontecimentos tristes, com pacientes bastante feridos e até uma morte complicada de um bebê. Confesso que nessa parte já estava chorando aqui assistindo e nem imaginava o que viria a seguir.

Acontece que tudo aquilo foi uma espécie de imaginação vivida pelo próprio Guthrie e estava contando na verdade a história de vida do médico, seu passado e tudo que aconteceu, inclusive a perda de um de seus filhos por intoxicação. Até então a vida de Guthrie era desconhecida por nós e ficou meio difícil não ficar balançado com toda a descoberta.

code-black-2x12Guthrie é um baita médico que infelizmente estava passando por um momento complicado ao descobrir que estava com Parkinson, mas o cara também passou por situações ainda mais difíceis no passado, inclusive essa envolvendo a perda de um filho, que na verdade acabou me fazendo admirá-lo ainda mais.

O melhor é que o médico na verdadeiro aceitou a cirurgia e aparentemente está bem. Não sei se ele ficou curado do Parkinson e irá voltar a exercer medicina, mas pra mim ficou a ideia que sim e mal posso esperar pra ver isso acontecendo. O final do episódio ainda rendeu momentos maravilhosos ao som de “Fix You” que novamente me deixaram choroso aqui, além de claro, aquele diálogo entre pai e filho que fechou tudo da melhor maneira possível.

Anúncios