Chicago PD 4×07/4×08 – 300,000 Likes/A Shot Heard Around the World

chicago-pd-4x09Fall Finale com direito a despedida de personagem.

Não entendi direito o porque de episódio duplo nessa fall finale de Chicago PD, até porque achei que um episódio não teve relação com o outro, já que cada um veio com um caso semanal diferente. Ainda assim valeu, pois ambos foram ótimos, mas a segunda parte foi de derrubar de tão linda.

300,000 Likes” trouxe um crossover com a Chicago Justice, onde a Inteligência passou a ajudar na investigação de um suspeito milionário, após uma testemunha importante aparecer morta. O réu já era conhecido por envolvimento em casos de estupros e o assassinato da testemunha precisava ser relacionado a ele, para impedir que o cara saísse livre de todas as acusações.

Foi impossível não pegar antipatia pelo cara já de início, mas felizmente, depois de muito trabalho a Inteligência conseguiu encontrar uma relação ali e ele acabou voltando para a cadeia. Todo o caso acabou mexendo muito com Erin e foi ótimo ver a cara dela na porta da prisão no momento em que o cara foi preso.

Nesse episódio também vimos Antonio receber o convite para trabalhar na Promotoria. De início ele não recebeu a ideia muito bem, mas depois acabou percebendo que é uma baita oportunidade. Precisa nem dizer que foi coisa linda a cena do Voight elogiando ele e ainda agradecendo pelo que fez na Inteligência e esse foi o ponto inicial pra despedida do personagem na série.

Já “A Shot Heard Around the World” veio com um caso bem mais pesado, envolvendo a execução de policiais que estava acontecendo pela cidade causando um barulho sem tamanho. Dessa vez não foi só a Inteligência que focou no caso, mas todos os policiais disponíveis, já que a ameaça era contra eles mesmo e precisavam pegar logo o responsável pelas mortes, antes que mais vítimas acabassem surgindo.

chicago-pd-4x08Dois policiais foram mortos e foi uma tristeza de assistir, principalmente a segunda vítima que foi baleada de uma maneira tão cruel. Voight estava sendo bastante pressionado por seus superiores para conseguir prender o responsável pelas execuções e com isso mais uma vez vimos a Inteligência usando todos os seus recursos e aos poucos conseguindo ligar os fatos até um real suspeito.

Tratava-se de um ex-policial que foi afastado do cargo por má conduta e ainda por cima era filho de outro policial morto enquanto trabalhava anos antes. O rapaz tinha problemas psicológicos e completamente revoltado com a polícia de Chicago, querendo seguir com a matança sem fim e ainda com um plano de explodir a antiga casa onde cresceu e matar o máximo de policiais possível.

Foi nessa hora que tivemos a excelente cena de Voight tentando ter um diálogo proveitoso com o jovem, querendo convencê-lo a desistir do plano, o que foi em vão. O cara acabou sendo morto pela polícia, pois realmente foi a única solução encontrada, já que estava colocando a vida de outras pessoas em risco. Ainda assim foi bastante pesado de assistir, pois Voight realmente tentou de tudo para impedir que isso acontecesse, mas não conseguiu.

Nos minutos finais o episódio ainda trouxe uma homenagem emocionante para os policiais mortos e também mostrou a despedida de Antonio que deixou a Inteligência para seguir um novo caminho. O lado positivo dessa saída do cara é que com isso Burgess finalmente conseguiu voltar pra equipe e isso com certeza vai ser ótimo!

A série também só volta com episódio inéditos em janeiro de 2017, então agora é esperar pela segunda parte da temporada, que pelo que percebi, vai explorar também o retorno do pai da Erin pra cidade. Só espero que não estejam querendo fazer a jovem sofrer mais uma vez.

Anúncios